Má prestação de serviço de internet gera indenização a cliente

15/12/2017

Uma empresa de telefonia terá que pagar indenização no valor de R$ 6 mil a título de danos morais por má prestação de serviço, em caso ocorrido no ano de 2013 em Mato Grosso, no município de Tangará da Serra.


Conforme explicitado nos autos, a cliente solicitou a instalação da linha e os serviços de internet funcionaram por 20 dias até que foram suspensos sem motivação. O problema acarretou em danos para a cliente, que acabou eprovando em uma matéria de Ensino a Distância (EAD).


O recurso foi analisado pela Primeira Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de Mato Grosso e a decisão foi unânime. 

O relator do caso, desembargador João Ferreira Filho, em sua decisão: “Evidente que o dano moral restou caracterizado, não havendo dúvida quanto à ilicitude da suspensão desmotivada do serviço contratado, já que os apelados ficaram privados deste serviço pelo período de aproximadamente quatro meses, não obstante as reclamações efetuadas, prejudicando-se, inclusive, suas atividades profissionais e acadêmicas, fato que ultrapassa os meros aborrecimentos da vida cotidiana”.

Fonte: TJMT


 


Imagem Ilustrativa do Post: Ethernet cable // Foto de: reynermedia // Sem alterações


Disponível em: https://www.flickr.com/photos/89228431@N06/11085124946


Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

O texto é de responsabilidade exclusiva do autor, não representando, necessariamente, a opinião ou posicionamento do Empório do Direito.

Sugestões de leitura