Tags Posts tagged with "Andressa Darold"

Andressa Darold

Por Andressa Darold – 27/06/2017

O 2º Festival Internacional de Cinema LGBTI, que teve início na última quinta-feira e tem previsão para acabar no dia 2 de julho, está sendo exibido no Cine Brasília.

A iniciativa, organizada pelas  embaixadas da Bélgica, Austrália, Estados Unidos, Dinamarca, França e Países Baixos no Brasil oferece entrada franca. O Festival conta com dez curtas da campanha “Livres e Iguais” e 13 longas-metragens de inúmeros países.

Para mais informações, clique aqui 

Fonte: ONUBrasil


Imagem Ilustrativa do Post: Gay pride 013 – Marche des fiertés Toulouse 2011.jpg // Foto de: Fotos Guillaume Paumier // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/gpaumier/5847802511

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 27/06/2017

Uma nova lei, que permite que autoridades acessem dados de conversas privadas, foi aprovada na Alemanha.

De acordo com o portal Deutsche Welle, o ministro do Interior observou que “com cada vez mais frequência criminosos se comunicam de maneira criptografada. Assim fica cada vez mais difícil para as autoridades esclarecerem crimes”.

Com a nova legislação, dados de computadores também poderão ser monitorados quando houver de suspeita de tráfico de drogas, pornografia infantil, assassinatos, sonegação fiscal e falsificação de dinheiro.

Serviços de mensagem, como o Whatsapp, poderão ter seu conteúdo interceptado quando houver autorização judicial.

Fonte: Deutsche Welle


Imagem Ilustrativa do Post: WhatsApp/iOS // Foto de: Álvaro Ibáñez // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/alvy/12769050173/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 21/06/2017

A Austrália irá indenizar 1.905 refugiados que foram mantidos em um  acampamento na ilha de Manus.

Uma ação coletiva apresentada pelos detidos, coordenada pelo escritório de advocacia Slater and Gordon, fará com que aproximadamente 2.000 solicitantes de refúgio receberam 47 milhões de euros de indenização por danos físicos e morais sofridos.

De acordo com a Agence France Presse, o advogado Andrew Baker afirmou que “as pessoas detidas em Manus têm vivido em condições extremamente hostis, mas não voltarão a sofrer em silêncio”.

Fonte: Agence France Presse


Imagem Ilustrativa do Post: SA Refugees // Foto de: Bjørn Heidenstrøm // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/mobilephotosheidenstrom/5555457474/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 19/06/2017

Uma das fundadoras do Black Lives Matter – movimento internacional que faz campanha contra o racismo – abordou, em entrevista ao Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH), como as leis internacionais de direitos humanos podem ajudar a combater essa forma de violência.

Opal Tometi afirmou na ocasião que “é importante fortalecer a solidariedade entre movimentos e membros da sociedade civil em espaços internacionais”. De acordo com o portal da Organização das Nações Unidas, a ativista também falou que “as pessoas podem defender os direitos humanos em qualquer lugar, abordando o racismo sistêmico em seu próprio ambiente. Se as pessoas levarem a sério a luta pela justiça em seu próprio país, com parceiros e imigrantes em sua comunidade, com pessoas da comunidade internacional, acredito que veremos a aplicação dos direitos humanos a todas as pessoas. Quero incentivar nossos irmãos e irmãs a se envolverem de modo mais eficaz com esse grande conjunto de ferramentas de direitos humanos internacional, que reafirmam nossos direitos com tanta profundidade.”

Fonte: ONUBrasil


Imagem Ilustrativa do Post: Esta fotografia é uma de minhas favoritas. Participei há uns três anos, à convite com outros colegas fotógrafos, de uma exposição fotográfica beneficente organizada pelo Centro de Reintegração Familiar e Incentivo à Adoção – CRIA, onde as imagens tinha co // Foto de: RAONI BARBOSA // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/raonisbarbosa/32816335303

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 18/06/2017

A Renova Cursos estará realizando o Curso de Psicologia Criminal no Rio de Janeiro/RJ, no dia 25 de junho.

De acordo com o portal, a programação conta com conceitos de psicologia criminal, tipologia das vítimas, investigação criminal, personalidade de um criminoso, síndrome de estocolmo, entre outros. O evento contará com a presença da palestrante Flavio Rodrigo Masson Carvalho

O curso acontecerá no Golden, Rua do Russel, 374 – Glória – Rio de Janeiro/RJ.

Para saber mais, acesse: Renova Cursos

Fonte: Renova Cursos


Imagem Ilustrativa do Post: CRIME SCENE DO NOT CROSS / @CSI:cafe // Foto de: [puamelia] // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/ykjc9/3435027358/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Fonte: Renova Cursos


Por Andressa Darold – 17/06/2017

O curso virtual “Uso de Álcool e Saúde da Mulher e Gestante”, promovido pela Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS), está com as inscrições abertas.

O guia “Diretrizes para a identificação e manejo do uso de substâncias psicoativas e transtornos por uso de substâncias na gestação”, da Organização Mundial da Saúde,  servirá como referência durante o curso, que busca informar os problemas causados em gestantes pelo consumo de álcool.

Para se inscrever, acesse: Organização Pan-Americana da Saúde

Fonte:  ONUBrasil


Imagem Ilustrativa do Post: Pregnant Woman // Foto de: freestocks.org // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/freestocks/26005025555

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 16/06/2017

A Organização das Nações Unidas, na terça-feira (13), evidenciou o “Dia Internacional de Conscientização sobre o Albinismo”. Ikponwosa Ero, especialista independente sobre os direitos das pessoas com albinismo, expôs em  relatório ao Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas a necessidade de criar leis que tornem ilegal o tráfico de partes do corpo de albinos.

Confira o vídeo publicado no portal da Organização das Nações Unidas:

Fonte: ONUBrasil


 Imagem Ilustrativa do Post: albino // Foto de: CHeitz // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/coreyheitzmd/15023461705/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 15/06/2017

A Comissão Europeia irá processar os governos da Hungria, Polônia e República Tcheca por não cumprirem “obrigações legais” relacionadas ao acolhimento de requerentes de asilo.

Os três Estados-membros mencionados não obedeceram a distribuição dos requerentes de asilo solicitada pela União Europeia. O plano era direcionar 160 mil refugiados, em dois anos, para o resto das nações do bloco.

De acordo com a Agence France Presse, o comissário para as Migrações afirmou, em conferência de imprensa no Parlamento Europeu, que todos os meios foram esgotados.

Os processos judicias, que serão acionados na quarta-feira, podem resultar em sanções financeiras severas.

Fonte: Agence France Presse


 Imagem Ilustrativa do Post: IMG_4202 // Foto de: Trocaire // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/trocaire/9365116234

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 14/06/2017

O grupo de refugiados, que cometeu o ataque incendiário contra um sem-teto no último Natal, foi condenado nesta terça-feira (13) em Berlim.

De acordo com a Deutsche Welle, o jovem de 21 anos, considerado principal culpado, foi condenado a dois anos e nove meses de prisão por tentativa de lesão corporal grave. Considerados cúmplices do crime, os envolvidos receberam penas juvenis de oito meses de condicional; outros dois jovens, por não terem prestado socorro, foram condenados a quatro semanas de prisão domiciliar e trabalho comunitário.

O sem-teto polonês, que estava em um banco da estação de metrô Schönleinstrasse, saiu ileso do ataque com a ajuda de pedestres que extinguiram as chamas.

O réu principal, condenado a dois anos e nove meses de prisão, afirmou que “apenas assustar o homem com um pequeno foguinho” ao atear fogo em um lenço de papel.

Fonte: Deutsche Welle


 Imagem Ilustrativa do Post: bundestag  // Foto de: Michael Pollak // Com alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/michaelpollak/6044933311/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode

Por Andressa Darold – 13/06/2017

Um projeto de lei norueguês que visa proibir o uso da burca em creches, escolas e universidades foi apresentado nesta segunda-feira (12).

De acordo com a Deutsche Welle, o ministro da Educação da Noruega afirmou que “roupas que cobrem o rosto impedem a comunicação, que é determinante para alunos e estudantes em seus aprendizados. Nós não queremos que elas sejam usadas em creches, escolas e universidades”, concluindo que o país é “uma sociedade aberta, onde todos devem poder se ver mutuamente.”

A proposta depende de aprovação parlamentar. Caso o governo adote o projeto, funcionários e estudantes que utilizarem burcas estarão sujeitos a perder  empregos e cursos.

Fonte: Deutsche Welle


 

Imagem Ilustrativa do Post: Islam in der Stadt // Foto de: Metropolico.org // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/95213174@N08/17089448870/

Licença de uso: https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/