Professor de dança é condenado por abuso sexual no sul de SC

Professor de dança é condenado por abuso sexual no sul de SC

Por Redação: 14/09/2017

Um professor de dança foi condenado a 20 anos de prisão, em regime inicial fechado, por abuso sexual praticado contra um menor de 14 anos. Os atos libidinosos, mediante ameaça, ocorreram de forma reiterada nos anos de 2012 e 2013.

Em decisão, o magistrado responsável considerou a condição de professor, as ameaças e o assédio ao jovem para prolatar a sentença. Como respondeu em liberdade ao processo, o réu poderá recorrer da sentença nessa condição. A vítima era estudante no colégio onde o réu lecionava e passou a frequentar as aulas ministradas pelo professor de dança em 2011.

No ano seguinte, segundo denúncia do Ministério Público, o garoto começou a ser assediado pelo mestre. Os abusos só cessaram quando a vítima resolveu procurar ajuda e relatou os abusos que sofria aos responsáveis.

Fonte: TJSC

Imagem Ilustrativa do Post: Handcuffs // Foto de: Victor // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/v1ctor/7606416730/

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode