Leis internacionais e racismo: Opal Tometi, fundadora do Black Lives Matter, trata...

Leis internacionais e racismo: Opal Tometi, fundadora do Black Lives Matter, trata sobre o tema em entrevista

Por Andressa Darold – 19/06/2017

Uma das fundadoras do Black Lives Matter – movimento internacional que faz campanha contra o racismo – abordou, em entrevista ao Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (ACNUDH), como as leis internacionais de direitos humanos podem ajudar a combater essa forma de violência.

Opal Tometi afirmou na ocasião que “é importante fortalecer a solidariedade entre movimentos e membros da sociedade civil em espaços internacionais”. De acordo com o portal da Organização das Nações Unidas, a ativista também falou que “as pessoas podem defender os direitos humanos em qualquer lugar, abordando o racismo sistêmico em seu próprio ambiente. Se as pessoas levarem a sério a luta pela justiça em seu próprio país, com parceiros e imigrantes em sua comunidade, com pessoas da comunidade internacional, acredito que veremos a aplicação dos direitos humanos a todas as pessoas. Quero incentivar nossos irmãos e irmãs a se envolverem de modo mais eficaz com esse grande conjunto de ferramentas de direitos humanos internacional, que reafirmam nossos direitos com tanta profundidade.”

Fonte: ONUBrasil


Imagem Ilustrativa do Post: Esta fotografia é uma de minhas favoritas. Participei há uns três anos, à convite com outros colegas fotógrafos, de uma exposição fotográfica beneficente organizada pelo Centro de Reintegração Familiar e Incentivo à Adoção – CRIA, onde as imagens tinha co // Foto de: RAONI BARBOSA // Sem alterações

Disponível em: https://www.flickr.com/photos/raonisbarbosa/32816335303

Licença de uso: http://creativecommons.org/licenses/by/4.0/legalcode