A (in) efetividade do direito: quando o diálogo se torna mais importante do que a lei

A (in) efetividade do direito: quando o diálogo se torna mais importante do que a lei

infetividade

Autor: Frederico Costa Greco

ISBN:  978-85-68972-35-9

Código de Barras:  9788568972359

Páginas: 272 páginas.

Valor: R$ 38,00 + Frete R$ 8,00

COMPRAR

A construção de uma sociedade livre, justa e solidária passa pelo investimento constante em momentos especialmente preparados para a prática do diálogo. Se quisermos construir um direito que seja realmente efetivo, devemos investir no diálogo como modo prático para lidar com os mais diversos tipos de conflitos jurídicos de interesses. O direito visa garantir liberdades e responsabilidades, mas liberdades e responsabilidades são frutos de ações que resultam de escolhas voluntaria e relacionalmente construídas, ou seja, acontecimentos a serem conquistados dialogicamente, e não através da imposição de leis e poderes exercidos impositivamente por terceiros.

Autor: Frederico Costa Greco

ISBN:  978-85-68972-35-9

Código de Barras:  9788568972359

Páginas: 272 páginas.

SUMÁRIO

CAPÍTULO 1 Por que efetivar o direito pode ser considerado uma questão importante

CAPÍTULO 2 O problema da inefetividade do direito

CAPÍTULO 3 A importância de se buscar a efetividade do direito como sua finalidade originária

e atual

CAPÍTULO 4 A busca “equivocada” da efetividade do direito pela aplicação da sanção

CAPÍTULO 5 A efetividade do direito pode vir da compreensão dos conteúdos das normas

CAPÍTULO 6 A efetividade pode vir de um foco nas pessoas, suas relações e conflitos

CAPÍTULO 7 A efetividade pode vir de um foco racional nas emoções

CAPÍTULO 8 A efetividade pode vir de um foco no autoconhecimento

CAPÍTULO 9 A efetividade pode vir do exercício do poder de escolha

CAPÍTULO 10 Efetividade pelo diálogo: reunião de pessoas, conflitos, normas, sentimentos,

autoconhecimento e escolhas

CAPÍTULO 11 Proposta de um caminho possível para a efetividade do direito

REFERÊNCIAS 269